Pauri 33

“Quem quer que cante o pauri 33 do Japji Sahib 25 vezes por dia, não há nada na Terra que ele não tenha. Guru Nanak cantou este pauri como um sampuran kriya, um selo perfeito, perfeito. Este pauri significa que se não pedires nada, terás tudo – essa é a lei. Quem quer que cante este pauri 25 vezes por dia, não há nada na Terra que não tenha. Não peças nada, apenas louva a Deus.” – Yogi Bhajan, 3 Julho de 1982

Todos alguma vez na nossa vida sentimos nalgum momento que estamos a remar contra a corrente, que estamos impotentes perante algo que não conseguimos mudar, algo que não conseguimos concretizar. Não é preciso ser um génio para saber que, levando a metáfora um pouco mais longe, remando contra a corrente o mais provável é ficarmos exactamente no mesmo sítio, mas completamente esgotados e bastante doridos.

É nesses momentos que compreendemos que a resposta está em render-nos. São estes momentos que nos ensinam a humildade e nos obrigam a largar a (tão equivoca) noção de que podemos controlar tudo. E aprendemos que nada há a temer, que podemos confiar que Deus, a Deusa, O Universo, Alá, …, nos amam pois somos seus filhos e sempre proverão tudo quanto necessitamos.

O Pauri 33 do Japji Sahib, escrito por Guru Nanak, recitado pelo menos 11 vezes por dia, devolve-nos a esse estado de rendição e humildade ante o Poder Infinito. Este pauri destrói o ego, eliminado a negatividade e a nossa natureza destrutiva, trazendo-nos a experiência da nossa própria divindade.

Durante quanto tempo deves praticar esta meditação? Vê aqui.

shabad 204

Aakhan jor, Chupai nah jor,

Jor na mangan den na jor

Jor na jeevan maran nah jor

Jor na raaj maal man sor

Jor na surtee giaan vechaar

Jor na jugtee chhutai sansaar

Jis hath jor kar vekhai so-e

Nanak utam neech na ko-e

Sem poder para falar, sem poder para ficar em silêncio.

Sem poder para pedir, sem poder para dar.

Sem poder para viver, sem poder para morrer.

Sem poder para governar, com riquezas e através das minhas manipulações mentais

Sem poder para conectar-me com  Deus através da meditação, para contemplar a sabedoria espiritual.

Sem poder para encontrar uma forma de liberar-me desde mundo.

Apenas Ele tem o poder nas suas mãos, Ele que tudo vê.

Nanak, ninguém está no cimo e ninguém está em baixo.

Mais:

(video) The end of all fear, por Satya Singh, com um trecho da minha versão favorita a cappella deste mantra, numa bonita comunicação celestial. Contudo, para o efeito desejado basta apenas recitar o pauri. Com muito amor, claro!

Rendirse y dejar ir…, Har Rai Kaur escreve sobre este transformador pauri.

33rd Pauri of Japji Sahib, por Ek Ong Kaar Kaur Khalsa, no Spirit Voyage.

Mantra for Ego: Aakhan Jor, por Ramdesh Laur, também.

Ego Eradicator, por Dev Suroop Kaur, com uma linda tradução deste mantra.

The Effects of the Pauris of Japji, uma breve  lista de pauris e dos seus efeitos.

Japji Sahib, uma viagem pelo Japji com indicações muito completas do poder de cada pauri (com transliteração e tradução em inglês).

One thought on “Pauri 33

  1. Pingback: { gratidão } | :: da cor do arco-íris ::

Deixe um comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s